domingo, 17 de janeiro de 2016

A Horrível Descoberta


Do "The Illustrated Police News", tabloide londrino e sensacionalista, vem essa reportagem horripilante dos anos 1870:

"A descoberta mais chocante foi feita na semana passada na cidade de Haverball. As circunstâncias do caso são notáveis e horríveis até o último grau. Os fatos são os seguintes:

Durante alguns meses passados um homem chamado William Laslett, sua esposa e uma filha (a menina com cerca treze anos de idade), ocuparam duas salas no porão de uma casa na Princess Street. Laslett, ao que parece, é um vendedor ambulante que possui um cavalo e carroça, com a qual viaja de cidade em cidade e costuma a se ausentar de casa seis ou oito semanas de cada vez. Ocasionalmente, levava consigo a sua filha em suas expedições itinerantes, mas mais frequentemente sua esposa o acompanhava.

Ele deixou Princess Street com a esposa nas últimas sete semanas, deixando Jane Laslett, sua filha, para trás. A jovem foi vista por seus vizinhos por alguns dias depois que seus pais tinham partido, quando, de repente, ela sumiu. As portas de ambos os quartos ocupados pelos Laslett estavam trancadas, e a inferência natural era que Jane tinha saído para se juntar aos pais, pois sabiam que ela já tinha feito isso em mais de uma ocasião. Semanas se passaram; as suspeitas dos outros ocupantes da casa de que havia algo errado tornou-se mais forte a cada dia.

Um odor desagradável e revoltante subiu a escada e encontrou seu caminho para os vários apartamentos. Na segunda-feira passada, um carpinteiro que ocupava um dos quartos superiores foi levado a quebrar a porta que levava ao subsolo, onde foi golpeado por uma cena de horror jamais presenciada por ele.

Após a porta ser aberta, uma legião de ratos corria em todas as direções. A maior parte do corpo da pobre menina tinha sido devorado por eles. Os senhores médicos que, desde então, fizeram um exame post mortem, concordam com a opinião de que Jane Laslett morreu subitamente de doença do coração de longa data - que sua morte tinha, possivelmente, ocorrida algumas semanas atrás, desde o qual os ratos vinham se alimentando do corpo.

O pai e a mãe ainda não voltaram, nem os vizinhos sabem como se comunicar com eles.

The Illustrated Police News foi um dos primeiros tabloides britânicos. Ele apresentava relatos e ilustrações de assassinatos e enforcamentos sensacionalistas e melodramáticos e era um descendente direto dos broadsheets do século 18".


Fonte: Traduzido de 1870s Eaten to death by rats
Si prega di attivare i Javascript! / Please turn on Javascript!

Javaskripta ko calu karem! / Bitte schalten Sie Javascript!

Por favor, active Javascript!

Qing dakai JavaScript! / Qing dakai JavaScript!

Пожалуйста включите JavaScript! / Silakan aktifkan Javascript!Better Stop Adblock